Virtualidades...


Passava da meia noite, e o que brilhavam eram somente a fraca luz do monitor, do vício adquirido e uma pequena luz que fazia o ambiente bailar na frente de seus olhos. O cheiro do vinho a incomodava, mas o gosto aliviava a dura conversa virtual que travava. A mistura entre as conversas banais e a profunda magoava seu ser e faziam brotar lágrimas em seus olhos que tantos vazios elogios já haviam recebido. A conversa era crucial, definitiva e colocava um ponto em uma situação. Não tinha como saber naquele momento se era um ponto final, parágrafo ou ponto e vírgula. Mas mantinha com positividade e dignidade a conversa. O tipo de conversa que não era totalmente estranha para ela. As afirmações do outro lado da tela eram categóricas, mas a experiência adquirida não a deixava acreditar em tais palavras. Para sempre, solidão, injustiça. Do seu lado ela rebatia com: hábitos e costumes, o tempo cura, com a solidão não se vive plenamente. A paciência que havia ali naquele momento e que não havia durante todo o decorrer do dia era genuína. A vontade de ajudar era real, e real também eram as convicções em suas afirmações, mesmo que fossem a todo o momento rebatidas. Já havia passado por isso antes. E a sensação era de que: “Se não é para ser, não será!”. Havia uma certeza. A de que não iria mudar suas convicções pelo bel prazer do outro, nem ela, nem ninguém, isso já havia aprendido na carne em outras situações. A conversa terminou com um gosto de tristeza, pelas coisas que ouviu não por pena de si própria, mas pelo vislumbre dos pensamentos do outro, que transformados em palavras chegavam aos seus olhos por meio da tela e a imaginação da luta travada dentro daquele ser que estava do outro lado tentando convencê-la e a si próprio. 

0 comentários:

"Nós nascemos sozinhos, vivemos sozinhos, morremos sozinhos. Somente através do amor e da amizade podemos criar a ilusão por um momento que não estamos sozinhos."

Orson Wells

Fenix

Fenix

Eu

Image and video hosting by TinyPic

Resolutions for life

Resolutions for life

Fale comigo

Atualizações Por Email

Meus textos no Me, Myself and I

"Para obter algo que você nunca teve, precisa fazer algo que nunca fez".

"Quando Deus tira algo de você, Ele não está punindo-o, mas apenas abrindo suas mãos para receber algo melhor".

"A Vontade de Deus nunca irá levá-lo aonde a Graça de Deus não possa protegê-lo".

"Boas meninas vão para o céu.

"Boas meninas vão para o céu.
As más vão para qualquer lugar" H.G.Brown

Beijo BEM DADO!

Beijo BEM DADO!
13 de Abril - Dia do Beijo!

Robert & Kristen

Robert & Kristen
Essa foto é quente!!!

Pervert


Mulher Maravilha

Mulher Maravilha

Visualizações de páginas da semana passada

Robert Pattinson Ai Meu Deus!

Robert Pattinson Ai Meu Deus!
Niver: 13/05

Addicted

Addicted

FREEDOM

FREEDOM
passarinho na gaiola não canta, lamenta.

Yes, I do

Yes, I do

Bruninho bonitinho...

Bruninho bonitinho,
Se vovozinho pegar
Você dormindo no

Meu sofazinho gostosinho,
Vai cortar seu pir*zinho!

TOMA! ! ! ! !


VINGANÇA!!!!!

Seja antes de tudo Humano...

Seja antes de tudo Humano...
Com seu próximo!

Coments...

Coments...

Janelândia

Janelândia
Passo muito tempo aqui. Hoje não mais.

Seguidores

Eu Bloggo! Desde 15/01/08

Eu Bloggo! Desde 15/01/08
TU BLOGAS?

Avise, deixe BEM claro!

Avise, deixe BEM claro!

Memento, Homo, Quiá Pulvis Es Et In Pulverem Reverteris.

“Lembra-te, ó homem, de que és pó e ao pó hás de voltar”.